Chegada do Papai Noel - 1º de novembro

Nenhum comentário

Papai Noel está chegando em um lindo espetáculo no Brasília Shopping!

Vale à pena conferir.


Programação:
15h00 às 15h30:
 - Workshop de Mágica com a equipe do Maior Ilusionista do Brasil, Issao Imamura
- Balão Mania
- Pintura de Rosto
- Música

15h30 às 16h00:

- Apresentação de Mágicas com Tio André

16h00 às 16h30:

- Apresentação musical com o grupo Sopa de Teatro

16h30 às 17h00:
- Apresentação do Maior Ilusionista do Brasil, Issao Imamura

17h00:

- Chegada Papai Noel

17h00 às 20h00:

- Música


Entrada franca
De segunda à sábado, das 10h às 22h, domingo e feriados, das 14h às 20h.

Anticoncepcional masculino?

Nenhum comentário

Meninas, hormônios nunca mais!!! 

Cientistas australianos produziram um contraceptivo masculino que bloqueia o transporte do espermatozoide sem alterar o desempenho sexual.

Isso porque o remédio inibi a produção de duas proteínas essenciais para o deslocamento do espermatize para os órgãos reprodutores do homem.

O remédio sairá em duas versões: pílula e injeções. Ele é totalmente reversível e deverá se tornar comercializável daqui a 10 anos .

Não poderei ter filhos daqui a 10 anos, mas acho esse tipo de estudo sempre um avanço. E que incrível, não?

bjim,
Cidália


4 dicas para um banho sem stress

Nenhum comentário




1. Seja rápido: mais do que 15 min de banho deixa a criança impaciente, especialmente se não for fã de água.








2. Ofereça brinquedos, canetas próprias para desenhar em azulejos, potes, tigelas. Lembre-se de controlar o tempo, vamos economiza a água, não é mesmo?!






3. Mude a rotina (se não tiver uma, crie!): mude o horário do banho, vá da banheira para o chuveiro. Pequenas mudanças podem aumentar a aceitação.







4. Quadro de recompensa: insira o item ´tomar banho’ no rol do quadro de recompensa dele. Depois que ele já estiver acostumado a tomar banho todos os dias sem reclamar, você retirar do quadro, afinal não se deve ganhar prêmio por ser limpinho, né?


bijm,
Cidália

Programação cultural: 24-set.

Nenhum comentário
 Os tapetes contadores de história

Eles estão em Brasília. com seus tapetes eles manipulam objetos que se transformam em personagens.

Para interagir com a mostra Viagem pelo mundo através das histórias, os pequenos têm que calçar pantufas distribuídas no local. A programação conta ainda com palestras, oficinas e rodas de histórias.



Confira em http://tapetescontadores.com.br/?p=1022




Serviços:
Caixa Cultural - Galeria principal (Setor Bancário Sul, quadra 4, lotes 3/4)
3206-9448/ 9449
Terça a Domingo, 9h às 21h
Grátis
Até 09/11/14



Divirtam-se!

bjim,
Cidália

Como retirar o cheiro de xixi do colchão?

Nenhum comentário

Seu pequeno já retirou a fralda? Que maravilha! Agora, até ele controlar o xixi à noite são outros quinhentos, né?

Comigo não foi diferente. Meus filhos retiraram a fralda relativamente cedo (o menino com 2 anos e a menina com 1,8 anos), então ainda estou nessa fase, especialmente com a mais nova. E o xixi na cama se tornou tão frequente que já tive até que trocar o colchão do meu mais velho.

Há períodos muito quentes aqui em Brasília, e não tenho ar-condicionado no quarto dos pequenos (na tentativa de evitar as –ites na vida: bronquites, sinusites), e, pela mesmas razão, optei por não colocar aqueles protetores de colchão (nem de plástico nem de courino) e também porque ele esquenta muito. Além disso, não acho muito confortável dormir sob um plástico barulhento (tentei e não gostei... de verdade).

Por causa da secura dessa terra maravilhosa, não costumo negar água antes de dormir para eles. Diante de tantas restrições impostas por minha consciência exigente de mãe, não me restou outra alterativa a não ser aceitar os xixis e tentar resolver o problema do colchão depois.

Já tinha tentado várias coisas: colocar no sol (ajuda muito, mas não tira totalmente o cheiro muito menos as manchas), lavar com sabão de coco (não fez diferença), passar água de cheiro para roupas, mas nada adiantou muito bem. Até que um dia, trocando figurinhas com uma amiga, ela me deu uma receita caseira que testei e aprovei. Ai vai:

Misture em partes iguais álcool e vinagre.
  • ½ xícara de álcool
  •  ½ xícara de vinagre de álcool claro


Borrife sobre a mancha de xixi e exponha o colchão ao sol para evaporar e secar.

Para secar mais rápido, seque com secador de cabelo em temperatura média. Essa mistura não costuma remover mancha, apenas odor.

Para remover a mancha passe essa pastinha de bicarbonato:

  • 1 colher sopa bicarbonato
  •  ½ colher de chá de água


Deixe em cima da mancha. Depois de 20 minutinhos esfregue com escova macia (uso uma de dente).

Dica de ouro: comprei um borrifador apenas para deixar essa mistura. Então quando o acidente acontece é só borrifar e pronto! Bem prático, a cara de uma mãe moderna e atarefada e-que-não-gosta-de-perder-tempo-com-afazeres-domésticos, tipo eu!

Bjim,
Cidália


Contar história antes de dormir: bom ou ruim?

Nenhum comentário
 Sou uma grande fã de histórias infantis. Tenho um ou dois cursos em contação de história, minha monografia foi sobre "Como selecionar uma história infantil?' (que em breve virará um post :) ), minha pós também foi sobre contação (veja aqui o artigo), enfim... gosto muito mesmo do assunto.

Então, resolvi contar histórias para os meus pequenos antes de dormir. ‘Nossa, eles vão adorar’, pensei. E adoraram mesmo. Estipulei as regras: apenas uma história por noite, cada um na sua cama, e lá fomos nós. Meninaaas... que péssima ideia! Na teoria é excelente, mas na prática não funcionou muito bem para mim.

Depois que saí do quarto, eles ficaram um tempão conversando sobre a história e um contava uma história nova para o outro, levantaram da cama... foram dormir tarde pra caramba.

No dia seguinte, resolvi tentar outra vez. Quem sabe
não foi só a a empolgação do primeiro dia, né? Para minha frustação não foi! Eles ficaram ainda mais agitados e animados com a história. E tem mais: queriam que eu contasse outraSSSS. Até eu acalmá-los novamente foi um custo. Aí pensei que estava indo contra a minha própria rotina do sono (falarei dela em breve). Criei uma rotina antes de dormir justamente para dar aquela quebrada na agitação do dia e com a história eles estavam ficando agitados novamente!

Daí fui pesquisar (mais um pouco) sobre o assunto e notei que há alguns artigos que dizem que contar histórias para crianças é ótimo (ok, já sabia), mas antes de dormir não é a melhor hora para se fazer isso. Se for uma história de aventura, os pequenos podem ficar agitados, se for uma triste, eles podem ficar chorosos, se for de terror, assustados. Mesmo se meus filhos gostassem bastante (o que não é o caso), eu não contaria histórias de terror para eles antes de dormir porque acredito que eles sonhariam com isso e poderiam não ter uma noite tranquila. Quantas vezes sonhamos com algo que acabamos de ver na TV ou com o livro de cabeceira?

Claro que selecionei histórias tranquilas própria para este momento. Mas, para mim, não deu muito certo. Gostei muito da proposta desse livro aí, recomendo para os pais que contam histórias antes de dormir e os pequenos não se agitam.



O jeito foi adaptar, sim porque não quis abrir mão das histórias todos os dias: nós (eu e eles adoramos). Então passei a contar a história logo após o jantar e, às vezes, sobra até um tempinho para contar mais de uma. 

bjim,

Cidália

Presente baratinho para o dia das crianças

Nenhum comentário
Oi meninas, tudo bom?

Estive um pouco sumida nesta última semana para resolver alguns probleminhas domésticos. Mas já voltei e vamos logo ao que interessa: lembrancinha barata para o dia das crianças (#amomuitotudoisso).

Gente, tenho 8 sobrinhos e, com os meus pequenos, são 10 brinquedos no dia das crianças!! Haja orçamento... não dá né? Mas passar o dia das crianças sem receber nadica de nada é tão chato (olha a mãe se culpando por tudo, rs). Por mais que seja uma data comercial e que podemos substituir por um passeio legal em família (o que já fiz nesse tipo de data e recomendo), eles sempre esperam ganhar alguma coisinha. 

Olha que charme
essa sacolinha
Então para não estourar o orçamento, há alguns anos resolvi adotar uma tática que minha mãe (sábia e com muitos filhos, tenho três irmãos) já fazia conosco quando eramos pequenos: ao invés de brinquedos, ela costumava montar uma sacolinha de doces e bugigangadas para cada criança. Doces, chocolates, pirulitos, balas, paçoca e tudo que toda criança adora. Como na casa da minha mãe (e lá casa também) só se comia doces durante o fim de semana, nós adorávamos ganhar um monte de bobagens para comer até dizer chega.

Fiz isso no último ano e meus pequenos reagiram super bem. Para incrementar um pouquinho a ideia da mamis mães, coloco um brinquedinho de lojinha de 1,99, sabe? Aqueles bem baratinhos e que fazem um sucesso danado: arminha de água, bolinha de salão, pulseirinhas coloridas, etc. Costumo fazer uma sacolinha de menino e outra de menina.

Fica aí a dica para um dia das crianças doces e que não pesa no orçamento. ;)

bjim,

Cidália